sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

LEONARDO PENE NOMEADO EMBAIXADOR DE MOÇAMBIQUE NO VIETNAME, PARABENS!


Presidente moçambicano nomeia Leonardo Pene para embaixador no Vietname

Maputo - O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, nomeou quinta-feira Leonardo Pene para o cargo de embaixador de Moçambique no Vietname, anunciou a Presidência da República em comunicado.
Pene vai substituir Gamiliel Munguambe, que ocupava o cargo desde 2012 e que foi exonerado quinta-feira através de um outro despacho presidencial."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE

ESKILJERSING É O NOVO CEO DA PETROLIFERA WENTWORTH RESOURCES NO NORTE DE MOÇAMBIQUE

Petrolífera com prospeção no norte de Moçambique vai ter novo diretor executivo

Maputo - A empresa petrolífera Wentworth Resources, envolvida em ações de prospeção no norte de Moçambique, vai nomear Eskil Jersing como novo diretor executivo (CEO, na sigla inglesa) no segundo trimestre deste ano, anunciou em comunicado.
"A carreira de Eskil tem mais de 30 anos e abrange a exploração, avaliação, produção e desenvolvimento de projetos em muitas das principais bacias petrolíferas do mundo", refere-se num comunicado a investidores consultado quinta-feira pela Lusa."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.

SASOL EM RESSANO GARCIA MOÇAMBIQUE CONCLUIU OPERAÇÃO DE FINANCIAMENTO DA CONSTRUÇÃO DA CENTRAL ELECTRICA

Concluída operação de financiamento da central elétrica de Ressano Garcia em Moçambique

Maputo - A petrolífera pública sul-africana Sasol anunciou quinta-feira a conclusão das operações de financiamento que permitiram a construção da central elétrica a gás natural de Ressano Garcia, em Moçambique, inaugurada em 2014.
"A Sasol disponibilizou o empréstimo intercalar ao projeto até à conclusão bem-sucedida do financiamento", o que aconteceu no início deste ano, refere em comunicado."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE

METROBUS ESTAÇÃO FERROVIÁRIA DA MATOLA MOÇAMBIQUE BREVE EM CONSTRUÇÃO PARA SERVIR PASSAGEIROS

   MOÇAMBIQUE

Matola terá estação ferroviária na nova rede de transportes da capital de Moçambique

Maputo - A cidade da Matola, na província de Maputo, vai passar a contar com uma estação ferroviária de passageiros, no âmbito da execução de um novo sistema de transportes públicos, anunciou quinta-feira  a empresa promotora.
"A estação ferroviária privada de passageiros da Matola será uma das maiores a serem erguidas no âmbito do sistema integrado de transporte Metrobus", refere a concessionária em comunicado."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

ZIMBABWE E MOÇAMBIQUE EMMERSON MNANGAGWA PRESIDENTE DO ZIMBABWE VISITA HOJE MOÇAMBIQUE

Presidente interino do Zimbabué visita hoje Moçambique

Maputo - O Presidente interino do Zimbabué, Emmerson Mnangagwa, realiza hoje uma visita de trabalho a Moçambique que inclui uma reunião com o chefe de Estado, Filipe Nyusi.
A visita acontece a convite do dirigente moçambicano e o encontro entre ambos está marcado para as 10:50 no palácio presidencial, em Maputo, anunciou o gabinete de Nyusi em comunicado."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.

O AUTARCA

Porto e Corredor da Beira continuarão a exercer maior influência nas relações entre Moçambique e Zimbabwe Harare (O Autarca) – Uma fonte junto a Embaixada de Moçambique em Harare, capital do Zimbabwe, assegurou ontem, terça-feira (16), ao nosso jornal que os empreendimentos económicos à volta do Porto e Corredor da Beira, na região centro moçambicana, continuarão a exercer maior influência nas relações políticas, diplomáticas e económicas entre os dois países da SDAC – Comunidade de Desenvolvimento da África Austral. A fonte que comentava ao nosso jornal a propósito da primeira visita Filipe Nyusi, Presidente de Moçambque, e Emmerson Mnangagwa, Presidente do Zimbabwe, eestão reunidos desde o fim da manhã de hoje, quarta-feira, em Maputo Na sua primeira deslocação a Moçambique na qualidade de Chefe de Estado do Zimbabwe, Emmerson Mnangagwa faz-se acompanhar pelo Ministro dos Negócios Estrangeiros, Subusiso Moyo e quadros do Executivo zimbabweano. A fonte do O Autarca junto a Embaixada de Moçambique em Harare prevê que esta ocasião sirva para os dois países promoverem um novo ciclo de cooperação bilateral. Com a mudança de governo no Zimbabwe e consequente estabilidade política, o país projecta boas perspectivas de desenvolvimento económico, principalmente com o restabelecimento de relações com as principais potenciais mundiais, sobretudo o Ocidente, incluindo instituições financeiras internacionais que mantinham bloqueio em protesto ao regime ditatorial de Roberto Mubage. O Zimbabwe que já foi uma das maiores economias da região e do continente africano no geral, depende fortemente de Moçambique para a realização das suas exportações e importações, sendo que o Porto e o Corredor da Beira representam a principal porta de entrada e saída de mercadorias transocêanicas do país encravado no Interlande. Ainda a partir do Porto marítimo da Beira, o Zimbabwe opera um oleoduto para o transporte de produtos petrolíferos refinados até ao país vizinho. (Redacção) do novo Presidente do Zimbabwe, Emmerson Mnangagwa, que realiza nesta quarta-feira a Moçambique, em resposta a um convite formulado pelo seu homólogo Filipe Nyusi, destacou, igualmente, a importância da Hidro-eléctrica de Cahora Bassa (HCB) para a economia zimbabweana. Emmerson Mnangagwa chegou perto do fim da manhã desta quarta-feira a capital moçambicana, Maputo, tendo de seguida iniciado conversações com o Presidente Filipe Nyusi, para o reforço da amizade, solidariedade e cooperação entre os países que dirigem, que para além da vizinhança, têm laços históricos de cooperação político e militar."
FONTE: O AUTARCA JORNAL DE MOÇQAMBIQUE.


quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

JOAQUIM BULE NOVO EMBAIXADOR DE MOÇAMBIQUE EM PORTUGAL, PARABENS!

JOAQUIM Simeão Casemiro Buleé desde hoje o novo embaixador extraordinário e plenipotenciário da República de Moçambique junto da República de Portugal.
Bule foi nomeado para o cargo pelo Presidente da Republica, Filipe Jacinto Nyusi, no uso das competências que lhe são conferidas pelo artigo 162 da Constituição da Republica. Bule ocupa este cargo em substituição da Fernanda Eugénio Moisés Lichale exonerada hoje num outro despacho presidencial separado."
FONTE: JORNAL NOTICIAS DE MOÇAMBIQUE

terça-feira, 9 de janeiro de 2018

MUSTANG EMPRESA AUSTRALIANA FINANCIA 16,6 MILHOES DE EUROS NAS MINAS DE RUBI E GRAFITE NA PROVINCIA DE CABO DELGADO, MOÇAMBIQUE

Australiana Mustang anuncia financiamento de 16,6 M€ para minas de rubi e grafite no norte de Moçambique

Maputo – A Mustang anunciou segunda-feira que conseguiu um financiamento de 19,95 milhões de dólares (16,6 milhões de euros), do fundo de investimento norte-americano Arena Investors LP, para a expansão da sua mina de rubis e grafites em Moçambique.
Em comunicado, a companhia australiana Mustang refere que o financiamento será desembolsado em sete prestações."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.